Notícias

Notícias

Exportação de ovos e ovoprodutos no primeiro semestre

24/07/2020

O bom ambiente proporcionado pelo mercado no decorrer do primeiro semestre, permitiu ao produtor de ovos priorizar o atendimento interno em detrimento do externo.

É certo que a diminuição dos embarques de ovos foi maximizada pelos bloqueios de aeroportos em diversos países no enfrentamento ao vírus da Covid-19.

Com isso, o acumulado no primeiro semestre apresenta redução de 47% no volume embarcado e de quase 42% na receita. Os dois principais produtos exportados, Ovos férteis para produção de pintos de corte e ovos frescos com casca para consumo apontaram redução anual na casa dos 40% e 70%, respectivamente.

Assim, enquanto os dois principais produtos embarcados representaram 82% do volume, os outros nove itens de menor expressão equivaleram a apenas 18%.

Fonte: AviSite
Créditos da Imagem: AviSite

Voltar